Triade

2014-16, Triade (Propagação # 1, Metamorfose & Rumor), Full HD vídeo, PAL,16:9, b/w, silêncio, 5’25’’, 6’47’’, 3′ 06” (total 15′ 32”), loop
Edição de 3+1 prova de artista

“(…) É também a luz que funda o derradeiro encontro com a tríade Propagação #1,Metamorfose & Rumor. Três vídeos firmam um diálogo vertical marcado pelo simultâneo movimento de ocultação e revelação de excertos que apontam para o devir de Heraclito, para uma alternância cíclica e tensa entre estados contrários, entre os dois grandes pilares dos interditos humanos[1] – a morte e o nascimento – e ainda, pelo testemunhar contínuo da hipnotizante sequência, para a transgressão dos mesmos. Como se, subitamente, por meio da(s) obra(s) e ausentes da nossa carne, fossemos dotados da infinita capacidade de passar por uma semelhante experiência de morte e de renascimento, e assim conectarmo-nos com a dimensão ilimitada do sagrado (…)” 

Andreia César, 2016 (excerto do texto “TREMOR”) 

[1] BATAILLE, Georges, The Birth of Art, 1st ed., Lisbon, Solar System, 2015, p. 46.